Como planejar o seu mochilão

Muita gente tem dúvidas sobre como planejar um mochilão, montar o roteiro, como comprar as passagens, onde se hospedar e até como montar sua mala/mochila. Este post traz ótimas dicas pra você

Antes da Viagem

Planejamento: Sim, esta é a parte mais importante para evitar qualquer perrengue ao longo da sua trip. Eu gosto de me planejar muito, com planilhas, cadernos, diários de viagem e painéis no Pinterest. Antes de tudo você precisa definir o seu roteiro. Leve em consideração a época em que você vai viajar se vai ser verão ou inverno nos países de destino. Uma checada na situação política do local é muito importante e, também é legal estudar um pouco da história do país a ser visitado, seja vendo um filme, um livro, ou lendo outros blogs como o Momentos de Mochila, onde escrevo com detalhes os meus mochilões.

Estude todas as formas possíveis de transportes, vias terrestres, aéreas e marítimas. Eu sempre compro as passagens com antecedência, mas se você for deixar para comprar algum trecho na hora, verifique os horários nos sites das empresas. Em Ohrid, na Macedônia do Norte, acabei descobrindo que só existem ônibus em dias ímpares da semana, ou seja, meu roteiro ficou uma bagunça. Cuidado com as altas temporadas, dependendo do lugar, você pode pegar filas enormes ou correr o risco de ficar sem passagem. Como profe de línguas, recomendo que você estude as frases básicas de cada país, um Hallo, guten Morgen, Danke e Tchüiss quando estiver na Alemanha podem te trazer amigos, ou fazer com que o garçom de sirva uma cerveja de graça. Em alguns países quem fala a língua local compra as coisas pela metade do preço, como é o exemplo da Croácia que na língua local um sorvete é 50 centavos, e em inglês é 3 euros.

Money Money Money: crie uma planilha no drive e registre absolutamente tudo o que você pagar antes da viagem, para no final do mês você não desmaiar com a fatura do cartão. Para não acontecer isso, eu faço uma compra por mês, exemplo: em janeiro compro as passagens, fevereiro eu reservo os hostels e março eu compro o que falta (ingressos de museus, aluguel de carro, etc...). Se você estiver viajando com amigos, seja o louco das planilhas! Controle todos os gastos, especificando dias e locais de compras para não dar briga com a galera na hora da divisão.

Reservas de Hostels: Esse é um assunto complicado, eu gosto de reservar tudo antes, uma dica é reservar com o cancelamento gratuito. Você vai pagar um pouco mais caro nas reservas, mas se quiser cancelar em cima da hora por que gostou mais de uma cidade e quer passar uns dias a mais, não será um problema.

É tranquilo ficar em hostel? Com certeza, o clima dos hostels são os mais diversos possíveis. Quando viajo sozinha, sempre opto por esta acomodação pois consigo conhecer gente e montar uns passeios junto. Se você não curtir a ideia de quarto compartilhado com pessoas estranhas, existem os quartos privativos nos hostels. Eu já fiquei num hostel dentro de um trem na África do Sul, e em um dentro de tubos de concreto no México, as possibilidades são infinitas. Além de tudo, eles têm cozinha e com isso a economia é absurda ao cozinhar suas próprias refeições.

Depois da viagem:

Sabe aquele 1 milhão de fotos que você tirou? Salve no seu computador e faça uma cópia na nuvem (eu uso o dropbox e o google drive, sim, salvo nos dois, morro de medo de perdê-las). Essa é a primeira coisa que você vai fazer quando voltar. Perder as fotos da viagem é bem mais triste que pagar a fatura do cartão em euros, vai por mim, passei por isso. Eu gosto de montar um álbum para cada trip pois adoro recordar esses momentos.

Lembre-se que você está entrando num local com a cultura diferente da sua, experimente a culinária local sem preconceitos, aceite as diferenças e você vai ver que o mundo tem muita coisa linda para mostrar. Está indo viajar? Relaxe, tudo vai dar certo, e se não der, no final você vai rir dos perrengues, tudo vira história para rir com os amigos

Me segue no insta @momentosdemochila lá tem bastante inspiração e histórias engraçadas de viagem pra vocês.

Daniela Menti é dona do blog Momentos de Mochila.

Inspire-se.
Assine nossa
newsletter:

Imagem